BCAA, Fadiga Central, Perda de gordura e outras associações…

BCAA, Fadiga Central, Perda de gordura e outras associações…

FullSizeRender (20)

Hoje vamos fazer um texto diferente! Vamos interligar bioquimicamente alguns assuntos que todos acham interessante, muitos debatem, mas poucas pessoas sabem realmente o porquê dessas ligações…

Uma das razões pelas quais usamos o BCAA durante o treino seria a redução da fadiga central, ou seja, redução da “percepção de esforço”, redução do cansaço precoce. Apesar de não funcionar para todos, há sim uma razão/ explicação bioquímica para tal: o BCAA e o triptofano (um precursor da serotonina) competem pelo mesmo transportador “de entrada” no cérebro. Quando há muito triptofano entrando, temos um aumento da produção de serotonina o que pode gerar essa fadiga central, esse cansaço e vontade de interromper o exercício, além de contribuir negativamente com a termoregulação e com o desempenho motor.

Por isso a utilização da BCAA! Estamos fornecendo uma maior quantidade de um nutriente que irá competir pela mesma entrada do triptofano, ou seja; teremos mais bcaa e menos triptofano para produzir serotonina! Simples, não?

Mas e a perda de gordura? Onde está nessa história toda? Simples também: quando fazemos uma atividade física na qual estamos usando gordura prioritariamente como fonte energética (atividades aeróbias), estamos liberando ácidos graxos (que estavam dentro do tecido adiposo) na corrente sanguínea para serem oxidados gerando energia para a manutenção da atividade.

Esses ácidos graxos não “circulam sozinhos” no sangue, mas sim, precisam estar ligados a uma proteína chamada albumina. Esta albumina também estava ligada ao triptofano (lembra dele? Precursor da serotonina? Descrito lá em cima?). Incialmente a albumina se desliga do triptofano e se liga aos ácidos graxos. Neste momento temos mais triptofano livre e mais serotonina (= tendência a fadiga central). Mas, posteriormente, quando os ácidos graxos são oxidados, “sobra” albumina, que consequentemente se liga ao triptofano fazendo com que menos quantidade deste consiga entrar no cérebro; Ou seja, menor é a produção de serotonina e menor é a fadiga central!

Essa é uma das explicações do bem-estar sentido após um tempo do início de um exercício aeróbio! Percebem uma coisa? O BCAA e a oxidação de gordura desempenham o mesmo papel no quesito “redução da fadiga central”. Ambos são capazes de te fazer ficar mais tempo em uma atividade!

É claro que não estou abordando aqui outras funções deste BCAA durante a atividade, como a importância da leucina, entre outras funções.

Vale ressaltar o inevitável: a individualidade biológica! Nem sempre os suplementos funcionaram da mesma maneira para todos. O importante é saber os caminhos existentes para encontrar aquele que é melhor para vc.

 

Até…

 

 

2 comentários em “BCAA, Fadiga Central, Perda de gordura e outras associações…

  1. Adorei seu artigo, muito esclarecedor.
    Na realidade, para saber se é o melhor para cada individuo, nada melhor que conhecer as individualidades, porém sempre teremos que entrar na fase de teste mesmo pra saber como vai reagir o organismo.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s